Apresentando a comprovação dos dados lançados no cv Lattes

 

A entrega da comprovação das informações inseridas no currículo Lattes requer alguns cuidados. Nada de entregar um monte de folhas soltas,  amarradas com barbante. Não é só feio: imagine se o barbante rasga as folhas; se, ao soltar o barbante, o material cai da mesa de trabalho  ou  sopra uma rajada de vento…

Em geral esse material é avaliado em conjunto pela banca examinadora. A banca faz a colação do que se diz  no Lattes com a documentação comprobatória e preenche uma tabela para a pontuação do material.

Algumas sugestões:

  • Faça a coindexação da informação no Lattes e de sua comprovação, para facilitar a conferência.
  • Se está no Lattes mas não está comprovado, não pontua. Peça a um colega para testar se está fácil encontrar os documentos comprobatórios das informações prestadas no cv e  se faltam documentos.
  • Se um documento incluído não está ligado a qualquer item na tabela de pontuação,  ele não pontua — veja  se não preencheu mal o cv e está perdendo pontuação.
  • Observe se nos critérios de avaliação de cv há pontuação diferenciada para alguns itens de uma das dimensões da avaliação. Por exemplo: a banca examinadora encontrará facilmente a classificação dos seus artigos no indicador Qualis se houver pontuação diferenciada para isso nos critérios?
  • Veja qual a opção de modelo de currículo para impressão que mais lhe interessa (Resumido, Ampliado, Completo, Personalizado) e as demais opções apresentadas para gerar a impressão. Um exemplo: no modelo de impressão resumido desaparece a informação sobre os congressos serem internacionais ou locais, ficando apenas o título (Apresentação de Trabalho/Outra). Essa diferença conta naquela avaliação?

Uma sugestão final: mantenha o Lattes sempre atualizado. Desse modo se torna mais difícil esquecer de alguma informação. E arquive organizadamente a comprovação.


 

Rosa, Maria Carlota. 2018. Para a imagem acadêmica.

 

Anúncios